Na hora do desespero…

27 02 2009

É o celular que caiu na água… O cartão de crédito que não passa… A beteria do celular que dura pouco…

Tem cada situação complicada às vezes que medidas nada convencionais ou prováveis podem resolver. Eu vou dar a dica agora para algumas dessas.

  • Bateria do celular

Se o seu aparelho celular descarrega a bateria rápido demais enquanto permanece sem uso no seu bolso, parte do problema pode ser que seu bolso é quente demais.
“Baterias de telefone celular realmente duram mais se mantidas frias,” diz Isidor Buchanan, editor do site Battery University. O calor de 37 graus Celsius do corpo humano, transmitido através de um bolso de tecido para um celular dentro dele, é suficiente para acelerar os processos químicos dentro da bateria do telefone. Isso faz com que ela se esgote mais rapidamente. Para manter o telefone mais frio, carregue-o em sua bolsa ou no cinto.
Esse mesmo método pode ser usado para preservar sua bateria caso você se veja longe de casa sem o carregador. Desligue o telefone e deixe-o na geladeira durante a noite para desacelerar a tendência natural da bateria de perder sua carga.

  • Celular Michael Phelps molhado

Remova a bateria imediatamente, para evitar que curtos-circuitos elétricos fritem os frágeis componentes internos de seu aparelho. Então, limpe o telefone gentilmente com uma toalha e enterre-o num pote cheio de arroz cru. É, você leu certo sim cidadão, arroz. Aqueles grãos brancos que você manda no prato praticamente todo dia e que tem gente da cidade que acha é fabricado a partir de uma massa e não plantado (acredite eu já vi essa situação, mas contarei outro dia).

Isso funciona da mesma maneira pela qual você coloca alguns grãos de arroz em seu saleiro para manter o sal seco. O arroz tem uma grande afinidade química com a água – isso significa que as moléculas do arroz possuem uma atração quase magnética por moléculas de água, que serão sugadas pelo arroz ao invés de continuar dentro de seu telefone.

  • Alarme do carro fora do alcance

Suponha que o alarme para abertura de seu carro não tenha o alcance para chegar ao veículo, do outro lado do estacionamento. Encoste a parte de metal de seu chaveiro no queixo e aperte o botão para destravar. O truque transforma sua cabeça numa antena, diz Tim Pozar, um engenheiro de rádio do Vale do Silício.
Pozar explica: “você está unindo o chaveiro à sua cabeça. Com todos os fluidos em sua cabeça, ela acaba sendo um bom condutor. Não é dos melhores, mas funciona.” (Essa é comédia viu, mas…)

  • Cartucho de tinta acabando

Se o cartucho de sua impressora acabar perto do fim de uma impressão importante, remova o cartucho e passe um secador de cabelo sobre ele por dois ou três minutos. Então coloque o cartucho de volta e tente imprimir de novo, enquanto ele ainda está morno.
“O calor do secador aquece a tinta endurecida e faz com que ela flua através dos pequenos bocais dentro do cartucho,” diz Alex Cox, engenheiro de softwares de Seattle. “Quando o cartucho está quase acabado, aqueles bocais muitas vezes ficam praticamente entupidos com tinta seca, então ajudar a tinta a fluir fará com que ela saia.” O truque do secador de cabelo pode conseguir algumas páginas a mais de um cartucho, depois que a impressora informou que ele está vazio.

Mas sinceramente, como mexo com computdores há alguns anos e faço faculdade na área, não aconselho a repetir isso não. Ou ainda ficar esse tempo todo expondo os contatos do cartucho (no caso da HP) a um calor grande do secador. Pode acabar com ele. Mas de toda forma, uma vez ou outra na hora do paerto, quem sabe…

  • Conexão Wi-Fi

o seu roteador Wi-Fi não alcança o outro lado da casa, não saia correndo para comprar mais dispositivos wireless para esticar sua rede. Em vez disso, construa um refletor de ondas de rádio passivas de 15 centímetros de altura usando itens da cozinha, como uma folha de papel alumínio.
Siga as instruções em www.freeantennas.com/projects/template. Coloque o refletor finalizado – um pequeno e curvado pedaço de metal que reflete ondas de rádio assim como uma antena parabólica – atrás de seu roteador Wi-Fi. O refletor foca a energia do roteador em uma direção – diretamente à outra ponta da casa –, em vez de deixá-la dissipar sua força num círculo completo. Sem cabos, sem baterias, sem conhecimento técnico. Mas pode facilmente dobrar o alcance de sua rede.

  • CD’s, DVD’s e Blu-Ray’s sujos

Você precisa limpar um CD ou DVD imundo, mas, não tem aqueles fluidos de limpeza? Ensope um pano com vodka ou anti-séptico bucal. O álcool é um poderoso solvente, perfeitamente capaz de dissolver impressões digitais e manchas da superfície de um disco. Uma garrafa de Listerine de R$ 10 no seu armarinho do banheiro pode fazer o serviço tão bem quanto uma garrafa de R$ 75 de fluido de limpeza de DVD.

  • HD

Se – ou quando, melhor dizendo – o disco rígido de seu PC quebrar e não puder ser lido, não seja tão rápido em jogá-lo fora. Deixe-o no freezer durante a noite.
“O truque é uma técnica de recuperação real e comprovada, mesmo sendo um último recurso, para alguns tipos de problemas de disco rígido que, de outra forma, seriam fatais,” escreve Fred Langa em seu site Windows Secrets.
Muitas falhas de disco rígido são causadas por peças gastas que não se alinham mais corretamente, fazendo com que o disco não consiga ler os dados. Baixar a temperatura do disco faz com que seus componentes internos de metal e plástico se contraiam levemente. Retirar o disco do freezer e retorná-lo à temperatura normal pode fazer com que essas peças se expandam novamente.
Isso pode ajudar a libertar peças grudadas, explica Langa, ou pelo menos deixar um componente elétrico com falha dentro das especificações tempo o suficiente para que você recupere seus dados essenciais.

  • Flash de câmera

Se o flash embutido da câmera de seu celular é brilhante demais e deixa as fotos lavadas, prenda um pequeno pedaço de papel sobre o flash. Experimente com diferentes cores e espessuras de papel para reduzir o tom do flash, de superbrilhante a uma iluminação mais agradável para fotos noturnas.

  • Cartão de crédito que não passa

É simples. Coloque ele dentro de uma sacola plástica e refaça a transação. A Verifone, empresa que fabrica as máquinas leitoras, não confirma ou nega que o saco plástico funcione.

E então, achou o que dessas dicas? Tentaria? Já usou alguma? Conhece outras??? Comente aí!!

Abçs

Adaptado do The New York Times
Anúncios




Um modess com homem um dia e vice-versa.

16 02 2009

Recebi um e-mail com esse texto nessa semana. Pensei em qual parte colocava ele: se era na de humor, na geral, na conversa pra boi acoradar… Bem, de todo jeito ele acaba sendo um “informativo” com humor. Confira.

Passei por duras provas para conseguir meu diploma na escola da vida. Mas para entender as mulheres é preciso um estágio. Nesse quesito, eu sou um entusiasta da filosofia gelol: “Não basta ter pau, tem que participar”!!! Por isso, aceitei o desafio de passar um dia com um modess na cueca. A primeira menção do assunto modess me causa uma vontade de gargalhar irracional. Pois eu resolvi que já era hora de encarar esse trauma de forma mais íntima. O primeiro passo foi comprar a pequena fralda na farmácia. Isso foi fácil. Na verdade, foi até divertido. Fiquei torcendo pra mulher do caixa perguntar, e eu responder de forma bem “casual”:”É pra sua namorada”??? Não. É pra mim!!! “Só que ninguém nem tchuns, o que prova que as meninas ficam constrangidas à toa.. Na verdade, menstruar é uma parada normal. Acontece nas melhores famílias. Comprei um não-sei-o-que “mini”. Não ligo pra grifes, ainda mais de modess. Mas nesse caso, o que importava era o tamanho. E era mini. Porque, se é pra eu fazer esse papel de usuário de absorventes, pelo menos que eu não passe por arrombado. E a diferença de bitola entre o mini e o super ésignificativa, o que me fez pensar sobre como algumas mulheres são maiores que as outras… bom. Comprei também um tablete Valda pra dar uma dechavada básica e fui pra casa realizar o sacrifício que me tornaria um membro da classe masculina mais compreensiva com o sexo oposto. Chegando em casa, fui tentar abrir o pacote. Impulsivo por natureza, o homem não se dá ao trabalho de procurar linhas pontilhadas e, assim sendo,comecei abrindo errado. A abertura na horizontal tem um por quê, se adapta melhor à bolsa e deixa o absorvente mais à mão no caso de uma enxurrada inesperada. Mas eu ignorei, pois não uso bolsa. Ao retirar a peça do invólucro, você tem que descolar uma abinha para grudar na roupa íntima. Se a menstruaçãoem si não lhe deixar “incomodada”, essa almofada intrusa no seu chakra genital certamente vai. Calculei que o centro do modess ficasse na altura da “terra de ninguém”, de forma que ele não invadisse o território peniano. O saco reclamou um pouco, já que não se tratava de uma cueca duplex com teto solar. Um pouco de paciência e um pequeno remanejamento espacial e tudo estava resolvido. A primeira coisa que se pensa ao compor o modelão usandoabsorventes externos é: “Será que está marcando”? Por isso é essencial que você faça tudo com a companhia de um aliado. Assim, você vai poder contar com um correspondente nos países baixos, que vai lhe avisar caso o modess cisme em querer se destacar na sua bunda. Ao sair de casa, fingi que não tinha um objeto parasitário ultrajando a minha intimidade. Mas parece que está piscando um outdoor na sua testa avisando “estou de chico”. E eu nem tava!!! Que absurdo… Até encontrar seu aliado(a), é sempre bom dar uma conferida nos reflexos que você encontrar pelo caminho, como espelhos e vitrines, pra ver se está marcando. Foda-se a queda na bolsa de Tóquio ou a reforma ministerial. O que importa é que ninguém perceba que você está naqueles dias. E a preocupação é uma constante. Não dá pra esquecer que seu fundilho está acolchoado. Ao final de minha jornada, foi um alívio tirar o cuecão e zunir o modess no lixo. Claro que eu tive o cuidado de dobrá-lo e escondê-lo no canto do lixo, antes, envolvendo com muito papel higiênico para que ninguém se deparasse com aquele objeto indesejável depois do almoço. Daí eu entendi porque às vezes tem um montinho de papel enrolado num canto da cestinha do banheiro.Iuch! Se eu tivesse que usar isso a cada ciclo,ia ter uma crise pré-menstrual que ia durar uns trinta dias por mês.E as mulheres nem ganha adicional por insalubridade. Agora, imaginem-se nessa situação acima, por três a quatro dias seguidos, andando de salto alto, com cólica e tentando manter a linha!

 

Meu bem, te prometi que faria a dedicatória né?! Então… o post seu, por ter me enviado o e-mail ;). [fazendo aquele capricho] Sabe que você é parte importante do meu dia. [/fazendo aquele capricho]





Humor #7

11 02 2009

 

American Dream

American Dream





O Clique da Vez #10

10 02 2009

Essa sequência traz fotos do trabalho de Peter Gibson, conhecido também por Roadsworth. Aplicando stêncil, o canadense cria verdadeiras obras de artes urbanas nas ruas de Montreal.

 

 

1

1

 

 

2

2

 

 

3

3

 

 

 

4

4

 

 

 

 

5

5

 

zz7681f003

6

 

 

7

7

 

Adaptado do Obvious




Rede? Barraca?? Paraquedas???

9 02 2009

Com design de Erik Nyberg e Gustav Ström e produzida pela Royal Botania, essa “coisa” tem um visual inovador. Tem sua estrutura suspensa em um único ponto, o que lhe dá a a impressão de flutuar. É feita em aço inox e com dois tipos de tecido, um para a cobertura e outro para a rede.

Pense passar suas férias, esticado numa rede dessas(eu tenho a impressão que seja uma), em lugar com o visual das fotos… Melhor parar de ficar pensando nisso e lembrar que estou escrevendo esse post do meu serviço    :/ .

 

 

1

1

 

wave-4

2

 

 

3

3

P.S.: Preço?? Achei em lugar nenhum.

Abçs

Adaptado do Bem Legaus.




13 linhas para viver melhor

9 02 2009

Gabriel García Márquez é um consagrado escritor colombiano. Seu estilo é tão diferente que ele acabou criando uma vertente na literatura latino-americana, o realismo mágico. Esse é um dos seus pequenos escritos mais conhecidos.

 

1. Gosto de você não por quem você é, mas por quem sou quando estou contigo.
2. Ninguém merece tuas lágrimas, e quem as merece não te fará chorar.
3. Só porque alguém não te ama como você quer, não significa que este alguém não te ame com todo o seu ser.
4. Um verdadeiro amigo é quem te pega pela mão e te toca o coração.
5. A pior forma de sentir falta de alguém é estar sentado a seu lado e saber que nunca vai poder tê-lo.
6. Nunca deixes de sorrir, nem mesmo quando estiver triste, porque nunca se sabe quem pode se apaixonar por teu sorriso.
7. Pode ser que você seja somente uma pessoa para o mundo, mas para uma pessoa você seja o mundo.
8. Não passe o tempo com alguém que não esteja disposto a passar o tempo contigo.
9. Quem sabe Deus queira que você conheça muita gente errada antes que conheças a pessoa certa, para que quando afinal conheça esta pessoa saibas estar agradecido.
10. Não chores porque já terminou, sorria porque aconteceu.
11. Sempre haverá gente que te machuque, assim que o que você tem que fazer é seguir confiando e só ser mais cuidadoso em quem você confia duas vezes.
12. Converta-se em uma pessoa melhor e tenha certeza de saber quem você é antes de conhecer alguém e esperar que essa pessoa saiba quem você é.
13. Não se esforce tanto, as melhores coisas acontecem quando menos esperamos.

Gabriel García Márquez




Sexo com calma

5 02 2009

Achei esse artigo por aí na internet um dia desses. Veja o que você acha.

“Cursos que ensinam a massagem tântrica e a prática do sexo tântrico ganham adeptos que buscam romper as convenções do sexo. Tantra traz à cabeça horas de práticas sexuais sem ejaculação. Mas o buraco é mais embaixo: O Tantra visa a voce cair na real, e o objetivo não é a finalização. Quando você consegue fazer isso a sua mente para de funcionar e a energia começa a fluir, diz o terapeuta Ananda Prem. “O mito da ejaculação é uma interpretação errônea. O que importa é o bom uso da energia sexual, tanto faz se voce ejacula ou não, desde que saiba usar esta energia” . Junto com Dasya Devi e Roberta ele mantém uma clínica – apropriadamente intitulada Tantra Terapia – na zona Sul de São Paulo, onde oferece serviços e cursos de Massagem Tântrica individuais e Maithuna (prática se sexo tântrico) para casais. Segundo Dasya, “a massagem não trabalha a estrutura muscular. É um trabalho de percepção para desenvolver a sensibilidade, é bem sutil. Por meio da pele a pessoa percebe o corpo dela com mais plenitude, e aprende que o toque em qualquer parte do corpo pode ser prazeiroso”. Por isso, quem recebe a massagem tântrica deve ficar totalmente nú. “A massagem Tântrica é um pequeno capítulo do Tantra que muito contrariamente do que se imagina, não tem nada a ver com sexo, como nós assim conhecemos. As zonas erógenas são são uma convenção, no tantra você parte para e experiencia direta e rasga as convenções, diz Ananda. ” Os processos da sexualidade são reprimidos a medida que o ser humano vai crescendo e se contaminando. Com as nossas práticas acontece uma naturalização. É um processo ligado a desrepressão”. As aulas exigem dedicação: “Para um casal conseguir se desconectar de seus costumes demora. São pelo menos duas horas e meia, diz Dasya. Na Maithuna, o homem fica praticamente imóvel, e só a mulher quem se movimenta. Nos níveis adiantados, ela apenas contrai os musculos vaginais. ” O sexo acontece praticamente sem fricção, diz Ananda. “Por questões sociais e culturais, o ser humano foi muito castrado. Quando você começa um processo de auto-conhecimento, as primeiras arestas que você começa a perceber são do universo da sexualidade. Nas sociedades matriarcais, onde o Tantra foi desenvolvido, como não existiam processos de repressão sexual, todo o Tantra era tratado no nível do coração. Quando você trabalha isso, chega a uma plena aceitação de quem você é, e não apenas das partes boas, voce tem um manancial de elementos para trabalhar. É o trabalho com o lado obscuro de todos nós, porque o lado claro é aquela parte que aprendemos a colocar para a sociedade: todos os sentimentos rotulados como negativos, você tem que conter. É pra você parar de brigar consigo mesmo, diz Ananda.”

 

Resumindo então, o tantra não é um dogma, uma religião ou seita como muitos falavam. Apesar de ter todo esse lance de energia, o tantra nada mais é que uma forma mais tranquila de fazer o sexo, aproveitar mesmo cada instante e cada palmo do corpo da sua(seu) parceira(o). Experimente viu. Vale muuuito a pena. 😉

Abçs.